Sindicato apela aos reclusos que compreendam as razões da luta e pede-lhes que não protestem.

Top Notícias