A portuense Signinum, que já recebeu 2,5 milhões de euros de financiamento comunitário, ganhou mais um projeto no Portugal 2020, com a atribuição de 800 mil euros para investir na tecnologia que criou que permite controlar pragas e antever doenças nas vinhas.

Top Notícias