Se a oferta lançada pelo milionário russo Mikhail Fridman não for bem sucedida, o Dia poderá não encontrar alternativas para escapar à insolvência, alerta o presidente executivo do grupo retalhista espanhol.

Top Notícias