Os coalas estão, para todos os propósitos, oficialmente extintos.

O alerta é dado pela Fundação Australiana de Koala que confirmou que com apenas 80 mil membros da espécie, não existem condições para uma nova geração da espécie. 
Estes declararam o marsupial "funcionalmente extinto", o que significa que a sua população caiu tanto que não afeta mais o meio ambiente.
Os coalas têm poucos adultos reprodutores para sustentar a espécie e qualquer tipo de doença genética irá colocar um ponto final na espécie. 
A Fundação alerta ainda que estes animais estão a morrer devido às alterações climáticas. O aumento das temperaturas está a provocar ondas de calor que matam dezenas de coalas devido à desidratação. Além disso, a espécie está a sofrer também com a desflorestação do planeta.

Top Notícias