Primeiro-ministro afirma que vai acabar o "monopólio" do PPE nas presidências da União Europeia.