No dia em que o diretor nacional da PSP considerou que as decisões judiciais recentes fragilizam a imagem e autoridade da polícia, Manuel Frederico, dirigente do Sindicato dos Magistrados do Ministério Público, lembrou que "as condenações tiveram origem em condutas ilegais".

Top Notícias