Até agora, a exclusão da China do G7 é uma omissão gritante, tornada ainda pior pela presença de tantos países europeus ? a maioria dos quais partilha uma moeda e obedece às mesmas regras de política orçamental e monetária.

Top Notícias