É o fim de uma era para o programa de culinária mais conhecido (e com mais sucesso) do mundo. Matt Preston, Gary Mehigan e George Calombaris, os três jurados que avaliaram concorrentes ao longo de 11 temporadas, vão abandonar o programa.

"Depois de 11 temporadas sensacionais, deixamos um carinhoso adeus aos nossos jurados — Matt Preston, Gary Mehigan e George Calombaris. Durante mais de uma década, o MasterChef Austrália celebrou a comida australiana e realizou sonhos culinários de cozinheiros domésticos. Agradecemos ao Matt, ao George e ao Gary por terem feito parte deste impressionante legado MasterChef", pode ler-se na publicação feita através da página oficial de Facebook do programa.
De acordo com o Financial Times , a decisão terá acontecido por não se ter alcançado acordo comercial mútuo entre o programa e os jurados. A mesma acontece, porém, depois de vários sindicatos de trabalho australianos terem exigido o despedimento de George Calombaris, que era acusado de não pagar justamente aos colaboradores dos seus restaurantes.
A sua empresa, Made Establishment, foi inclusive multada na semana passada por se concluir que desrespeitava regras e éticas de trabalho com os colaboradores. Calombaris pagou uma indemnização aos funcionários e, quando a história se tornou pública, foi retirado de uma campanha promocional de turismo na Austrália Ocidental.
Nas redes sociais, há quem relembre o caso. "Excelentes notícias. Esperemos que tenha chegado ao final o sexismo flagrante e as práticas indutoras de stress em concorrentes, especialmente mulheres. O Calombaris não mostrou arrependimento genuíno pela forma como acumulou a fortuna, ao reter pagamentos a funcionários já mal pagos ao longo de 15 anos", escreveu um utilizador de Twitter.

Such great news. Let’s hope we see the end of such blatant gender bias and practices that induce such stress in contestants, especially female. Calombaris has shown no genuine regret for how he built his fortunes on withholding due payments to low paid staff for FIFTEEN YEARS!
— Gawd S Us (@GawdSpareUs) 23 de julho de 2019



Leia Também: Juíza condenada por corrupção sai arrastada da sala de tribunal

Top Notícias