O irmão dele, Charles Koch, comunicou o falecimento. O bilionário, que morava em Nova York, foi um doador generoso a causas políticas conservadoras e a grupos educacionais, médicos e culturais. David Koch morreu nesta sexta-feira (23) aos 79 anos.
Phelan M. Ebenhack/AP
O bilionário David Koch, das Indústrias Koch, morreu nesta sexta-feira (23) aos 79 anos, informou o irmão dele, Charles Koch.
"É com o coração pesado que eu tenho que informá-los da morte de David", declarou Charles Koch. "Ele fará muita falta, mas nunca será esquecido."
Os irmãos acumularam fortuna com uma grande participação acionária nas Indústrias Koch, empresa sediada em Wichita, no Kansas. Eles ficaram conhecidos por uma vasta rede política que construíram que se tornou popularmente conhecida como "Kochtopus" - trocadilho em inglês para o sobrenome deles unido à palavra "octopus", que significa "polvo".
O bilionário, que morava em Nova York, foi doador generoso para causas políticas conservadoras, assim como para grupos educacionais, médicos e culturais, diz a Associated Press.
David Koch lutou contra um câncer de próstata por 20 anos. Em 2007, ele doou US$ 100 milhões (cerca de R$ 408 milhões) para criar o Instituto David H. Koch para Pesquisa Integrativa sobre o Câncer no MIT (Instituto de Tecnologia de Massachusetts).
Também deu milhões à Universidade Johns Hopkins, em Baltimore, ao Memorial Sloan-Kettering Cancer Center, em Nova York, ao M.D. Anderson Cancer, em Houston, e a outras instituições.
O Museu Nacional de História Natural do Smithsonian nomeou, em sua homenagem, uma ala dedicada à história da evolução humana ao longo de 6 milhões de anos. David Koch doou US$ 15 milhões (R$ 61 milhões) para financiar o salão.
Também foi o candidato a vice-presidente do Partido Libertário em 1980.

Top Notícias