Um Airbus A319 da companhia aérea  Eurowings  atravessou uma zona com turbulência por cima do Aeroporto Tegel , em Berlim, e 13 dos seus passageiros acabaram por sofrer ferimentos.

Dos 13 passageiros, oito tiveram de receber tratamento hospitalar, incluindo uma mulher em estado considerado grave. Os ferimentos sofridos pelos passageiros foram cervicais, na cabeça, lacerações e fraturas .
O avião vinha de Itália e preparava-se para aterrar na Alemanha, esta segunda-feira, quando o piloto viu uma "formação de nuvens cerrada a uma altitude de nove mil metros", explicou um porta-voz da companhia, citado pelo Daily Mail.
"Foi ligado o sinal para que os passageiros pusessem o cinto de segurança como precaução", e o piloto anunciou em alemão e inglês que iam passar por uma zona com condições tempestuosas e por isso pediu aos passageiros que regressassem aos seus lugares e pusessem os cintos. No entanto, a ordem terá sido ignorada por alguns que acabaram por ficar feridos.
Quando a aterragem foi feita vários serviços de emergência acorreram ao avião para assistir os passageiros. Os restantes foram levados para o terminal.
Leia Também: Bobby Brown expulso de avião por estar "embriagado"

Top Notícias