Uma militar da GNR de Mondim de Basto está ser julgada por ameaçar um superior hierárquico com uma pistola. A mulher arguida assegurou que andava a ser assediava sexualmente pelo guarda principal.