Não é a primeira vez que o nome de Yorgen Fenech aparece associado a um escândalo. Desta vez, porém, trata-se de um assassinato: o da jornalista que investigava casos de corrupção em Malta. Daphne Galizia morreu há dois anos