Rodrigo Gonçalves apoiou Rio Rio há dois anos, aquando da disputa interna entre o agora líder do PSD e Santana Lopes, mas "as circunstâncias mudaram”, e Gonçalves está hoje do lado de Montenegro.